Calcas academia legging fitness

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Efeitos da suplementação de creatina na função renal: onde está a controvérsia?.


No último sábado estive no I Meeting Probiótica de Suplementação Nutricional. Cheguei na metade da palestra do Rodolfo Peres, mas infelizmente o conteúdo apresentado foi o mesmo do ano passado quando estive no evento também organizado pela Probiótica, que na ocasião  trouxe o atleta Dennis James. 

A palestra da sequencia foi  do "Dr. Bruno Gualano: Efeitos da suplementação de creatina na função renal: onde está a controvérsia?". 


Ele esteve recentemente num congresso no exterior sobre creatina e trouxe qual é a realidade lá fora. Fiquei surpresa porque ouvi uma série de benefícios sobre o suplemento, além dos mais comuns que lemos por aí como aumento de força. O Dr. deixou bem claro que não estava ganhando um centavo pra estar ali na frente falando bem do produto e que apenas estava apresentando o que tem concluído e acompanhado nestes anos dedicados a pesquisar sobre a creatina.

Lá fora este suplemento tem sido usada por crianças, por idosos, no tratamento de diabetes 2, osteoporose e pasmem, inclusive como substituto da cortisona.

Quanto aos efeitos da suplementação da creatina na função renal, Dr Bruno foi à fundo e deu uma de Sherlock Holmes, investigou todas as pesquisas acadêmicas que tratavam do tema e provou por A + B que não existe nada comprovado que a creatina faça mal ou sobrecarregue os rins como os leigos dizem por aí.

Estudos os quais ele analisou e apresentou no Meeting e seu breve parecer.

I situação - Jovem de 22 anos morreu e a  conclusão que chegaram é que foi porque usava creatina. Detalhe, o rapaz utilizava esteróides anabolizantes há mais de 5 anos e por alguns meses estava consumindo 200 gramas de creatina por dia. rsrsrs  Isso é um pote do produto!!!  É muita coisaaaaaaa. Então ele morreu porque era maluco e não porque usou a quantidade normal do produto. Outra, foi muito esteróide ou muita creatina? Tirem suas conclusões.

II situação - Homem utilizou creatina, deu problema nos rins, porém há 7 anos ja havia sofrido de nefrite.  Portanto, já tinha propensão à patologia em função de sua herança genética.
Uma outra pesquisa  apresentada pelo Dr. apresentou um jovem que possui apenas 1 rim. Ele tomou creatina por um longo período de tempo e mesmo tendo apenas 1 rim, nenhua alteração foi detectada. No evento ele mesmo disse que se com 1 rim não aconteceu nada, é natural que a probabilidade é menor ainda nas pessoas que possuem 2 rins e que são saudáveis, ou seja, que não possuem nenhum problema relacionado ou que também não tenham tido nenhum histórico correspondente.

Dr Bruno ainda salientou que não é necessário interromper a utilização da creatina porque mesmo parando, nosso corpo volta a produzir naturalmente ( em quantidade menor do que se estivessemos suplementando, é claro).  Além disso, que também é desnecessári a tal carga de creatina de começar a tomar mais quantidade na primeira semana e depois reduzi-la. Segundo ele, a mesma quantidade pode ser administrada do começo ao fim.
Infelizmente nosso país é movido à interesses. pensem na quantidade de industrais farmaceuticas que deixariam de lucrar por exemplo com a venda de cortisona por exemplo.  Anvisa proibiu porque pesquisas em ratos atestam malefícios nos roedores a longo prazo, mas foi o que ele disse e concordo: Não somos ratos! Nosso organismo é diferente.
É isso, segue o curriculum do Dr. Bruno e fico feliz em saber que no meio acadêmico tem alguem dando atenção a este tipo de assunto.

Bruno Gualano
possui graduação e doutorado em Ciências pela Escola de Educação Física e Esporte da USP. Realiza pós-doutorado em Ciências pela Faculdade de Medicina da USP. Desde 2007, é pesquisador do Laboratório de Avaliação e Condicionamento em Reumatologia (HCFMUSP). Professor Doutor do Departamento de Biodinâmica do Movimento Humano da Escola de Educação Física e Esporte da USP. Atua principalmente nos seguintes temas: efeitos terapêuticos do treinamento físico; doenças crônicas; nutrição aplicada à atividade motora.
(Texto informado pelo autor)
E para comprar sua creatina numa loja virtual confiável, recomendo a www.mundototal.com.br
Beijos e ótimos treinos a todos que acompanham este BLOG.
Trika Lopes

5 comentários:

Luticar disse...

É complicado...
desfazer a polêmica em torno de um produto requer muito tempo.

Veja só o ovo, alimento com muitos benefícios mas que ainda é visto por muita gente como o grande vilão.

O fato de o evento ter sido patrocinado por uma marca de suplementos faz muita gente duvidar dessas pesquisas.

O povo prefere acreditar na Anvisa mas mal sabem eles de como tem gente cabeça fechada lá e quanta burocracia rola.

Até o ministério da agricultura tem conflito com a Anvisa...

Olhem para o 1º mundo e vejam como as coisas funcionam lá. É isso que deviam fazer.

Ratos possuem similaridades com seres humanos, mas neste caso... olhem os formatos dos membros dos ratos, que tipo de exercício eles fazem? De força e alta intensidade? Acho q não.

Bom, mas quanto à creatina, a Anvisa já liberou, a polêmica continua e só com trabalho sério + tempo pro pessoal assimilar é que ela vai acabar.

Dra. Emily Meire disse...

Sou nutricionista e totalmente a favor do uso da creatina, pois vejo muito resultado com uso do produto principalmente comigo mesmo. Em relação ao estudo temos que tomar um pouco de cuidado pois realmente os estudo não mostra nenhum problema renal em um curto periodo de uso ou seja em poucos anos de mais ou menos 5 anos depois disso não outros estudo a longo prazo outra coisa um estudo com uma pessoa (não mostra nada). Porem se uso não deve ser para qualquer tipo de pessoa eu particulamente jamais passaria para paciente com um rim ou com problemas renais anteriores... Acho que todo tipo de suplementação devemos tomar cuidado... E realmente já li muitos estudo com idosos de como é benefica. Sempre quando colocamos uma assunto assim não devemos generalizar para todos devos analizar cada caso.
Essa é só minha opinião...
Abraço!
Emily

Rodrigo Xavier disse...

Belo post. Informações nunca são demais, ainda mais quando vêem bem fundamentadas.

Bons treinos

Rodrigo Xavier
http://meucorpoativo.blogspot.com/

Qualy Power disse...

Olá! Visite: www.qualypower.blogspot.com

Joice disse...

Obrigada por acompanhar o meu blog!

Adorei seu cantinho e to te seguindo!

Bjs...