Calcas academia legging fitness

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Ser atleta é para quem pode

Estive no 40º Campeonato de Culturismo e Bodyfitness realizado em SP no último dia 8 de agosto.

Algumas das melhores atletas estavam na capital representando suas academias e respectivos estados. De acordo com o site da CBCM (Confederação brasileira de Culturismo de Musculação) o evento contou com a participação de 15 Estados Brasileiros e mais de 90 atletas divididos em 16 categorias, além de um nível técnico nas categorias Body Fitness e Garota Wellness, além do culturismo máster.

É curioso analisar todo o glamour que envolve eventos como este. Apesar do público ser pouco, comparado ao número de pessoas que sabemos que gostam de treinar e que poderiam estar lá, todos os presentes escolhem os melhores lugares para conseguir assistir de camarote e torcer bravamente por suas atletas preferidas. Parentes fazem parte da torcida, outras pessoas vão simplesmente para pretigiar ao evento e porque também gostam de treinar. Também tem o público que além de gostar, ficam de um lado para o outro correndo atrás dos atletas que mais gostam para tirar fotos e colocar no Orkut.

O que vale é a intenção de competir, a dedicação, o empenho todo, é claro! Mas uma coisa eu digo, existem aquelas atletas que tentam, tentam e ano após ano não saem daquilo. É o mesmo shape, a mesma genética que não colabora para uma simetria perfeita, mas elas são guerreiras, persistentes, muitas vem de longe e estão lá da mesma forma. Isso que é garra! Outras, por outro lado, nasceram pra coisa. Simetria perfeita e a cada ano conseguem se superar. É o caso da Andressa Vieira e Aline Oliveira, que se destacaram bastante das demais logo que pisaram no palco.

Como eu mesma já ouvi de uma atleta que sempre se classifica no III lugar, o que vale é participar e segundo ela, só assim consegue se dedicar aos treinos, mesmo que não seja para vencer. Pois se treina sem este objetivo, não consegue manter a devida frequencia. Ela gosta dos bastidores, quando as proprias atletas ficam se auto-analisando e comparando-se ás demais, gosta do assédio dos fãns querendo tirar fotos com ela o tempo e sente-se vitoriosa cada vez que sobe aos palcos, mesmo não vencendo.

Muitos que estão de fora acabam vendo o esporte com certo preconceito por conta do uso de anabólicos. Não temos como negar que este é um fato recorrente, entretanto, isso não tira o mérito das atletas, que treinam arduamente e fazem suas dietas super restritas. Mesmo supondo que todas utilizem, todas então deveriam ter o mesmo corpo, a mesma maturidade e qualidade muscular, entretanto, não é isso o que acontece e como eu disse, é para poucas...


Segue vídeo editado sobre o 40 º Campeonato Brasileiro com as nossas atletas representando toda a feminilidade da mulher brasileira. Crédito: Alan Azevedo





Se o que você assistiu acima te assusta, uma nova categoria para corpos menos musculosos e riscados foi criada. É a MISS BIQUINI WELLNESS cuja candidata não pode ter menos que 13 % de gordura corporal.

Mais detalhes sobre esta categoria

É uma categoria que estava em fase experimental pela CBCM, com o propósito de adaptar algumas alterações de regras que se torne mais confortável para participante.

A Miss Biquíni vem ganhando espaço no eixo Rio e São Paulo, expandido para mais 22 Estados Brasileiros e que dará oportunidade para garotas jovens e adultas de mostrarem o que á de melhor na mulher brasileira de forma sensual tanto de forma facial como estrutural.

DEFINIÇÃO DA PALAVRA WELLNESS:

Wellness é uma palavra que vem do inglês:

Well= bem

ness= estado de espírito, forma de ser... etc

por ex: happyness= felicidade

fitness= estar em forma

Wellness resume se em estar de bem com a vida, em bem estar físico e mental, estar com a auto estima elevada, sentir-se bem e feliz por simplesmente existir!”

Esta categoria foi dedicada às mulheres modelos ou não que possuem um corpo estético e tonificado, iniciando pela beleza facial e acabando com a beleza estrutural de curvas e siluetas de uma verdadeira musa brasileira.

Parágrafo Único: A MISS BIQUINI WELLNESS, não pode apresentar características das modalidades de FITNESS ou BODY FITNESS.

REGRAS:

O físico deverá apresentar curvas suaves e firmes, sem que demonstre excesso de taxa de gordura onde demarque a silueta da MISS BIQUINI WELLNESS.

Exemplo de excesso:

- gorduras entre braço e tríceps,

- gorduras entre abdome e oblíquo

- gorduras entre pernas e femoral

- excesso de estrias ocasionadas aumento e diminuição de peso.

- As candidatas não devem possuir massa muscular em que se destaque perante as outras modalidades esportiva de Fitness e Body Fitness.

- O percentual de gordura permitido para uma participante é de 13% a 17%.

- Não será permitido participação de candidatas com percentual abaixo de 13% de gordura

- percentuais acima do estabelecido nesta regra é considerada atleta de alta performance de rendimento, devendo inscrever-se na condição de atleta de Body Fitness.

A avaliação de porcentagem de gordura será feita por um profissional qualificado, onde será utilizado o protocolo de Pollock 3 (três) dobras: supra-ilíaca, coxa e tricipital. Os pré-requisitos e a avaliação física serão analisados no momento da inscrição da candidata.

Critérios de Julgamento da MISS BIQUINI WELLNESS

Categoria:
·
até 1,63 cm;
· até 1,67 cm;

· acima de 1.67 cm

· Obs.: menos de 4 (quatro) participantes em qualquer uma das categorias ocorrerá unificação dentre elas ;

Da condição física :

· Baixo grau de volume muscular;

· Proporção física de um corpo feminino tonificado;

· Tônus muscular super moderado;

· De 13% a 17% de gordura corporal;

· Aparência saudável,

· Beleza facial

· Beleza estética

· Tom de pele Bronzeado;

I ROUND

Da vestimenta :

a- Biquíni de 2 (duas) peças na cor preto opaco sem brilho, cobrindo 2/3 do glúteo;
b- Sandália estilo scarpam fechado de salto padrão na cor preta,

c- Brincos, pulseiras será permitido;

d- Tom de pele bronzeada saudável, para melhor visualização do físico no palco;

e- O uso de pouco óleo será permitido, porém o uso de tinta no corpo será permitido desde que não comprometa a aparência geral da participante como por exemplo, uma fina camada de tinta ou pasta.

Agora que ja te apresentei mais esta modalidade.
Se for competir um dia, me avise porque quero assistir.

Beijos e ótimos treinos!


Fonte pesquisada e para mais detalhes sobre outras categorias como o Figure e Body Fitness acesse:
http://www.cbcm.com.br/

Aproveitando o post, quero deixar um recado para a CBCM.
Seria interessante divulgarem mais os eventos que realizam pelo Brasil.
O caminho seria contratando boa assessoria de imprensa, enviando releases sobre o evento às mídias locais (jornais, revistas, radios etc) das região e proximidades de onde serão realizados os próximos campeonatos, além de realizar divulgação nas próprias academias. O que percebo é que muitas pessoas gostariam de ir, mas não vão porque nem sabem onde procurar as datas. Com isso o público aumenta, mais participantes, mais patrocinadores são atraídos e melhores prêmios são providenciados aos vencedores, que ao meu ver, ganham muito pouco pelo todo esforço sob o qual são submetidos, muitas vezes para ganhar um suplemento, troféu e quantidade ínfima em dinheiro.

2 comentários:

Tati disse...

É verdade, quase não tem divulgação e já fui em campeonato fora de SP cujo endereço no site da CBCM estava errado!!!!
Eles precisam de uma boa assessoria pra modernizar o site.
Mas o campeonato foi ótimo, atletas muito boas, adorei.
Beijos!
Tati
http://belezaefitness.wordpress.com

Sandrinha Falcão disse...

Oi Trika,
Brigada pela atenção e adorei ler as informações sobre a categoria Wellness. Brigada!
Na verdade nem penso em competir, mas GOSTO do biotipo e da filosofia dessa categoria.
Beijos.
Sandrinha.